Aneci – Correspondente do Blog em Portugal

Um grande amigo pediu-me para descrever o que está a se passar aqui na Europa.
Não sei se é bem isso que ele queria mas lá vai o comentário.
Resumindo: “o Euro já chateou por demais a América do Norte”.
Essa foi a frase do meu professor na pós graduação em gestão.
A idéia do euro baseia-se em empréstimos entre os países para poderem se estruturarem e assim manter um nível para a Comunidade Europeia (CE).
E cada país que se associasse à CE teria de ter um “padrão” a seguir. Detalhes como educação, eleições populares e permissão do voto feminino.
Parece coisa de terceiro mundo? Mas não é. O Leste europeu ainda pertence ao terceiro mundo com a desvantagem de não ter as riquezas naturais que a América do Sul tem.
A Grécia é um dos países mais corruptos por essas bandas e o dinheiro da CE que era para se usado em melhorais no país, foi para o bolso de alguns. Dessa forma a Grécia vem camuflando a sua prestação de contas para a CE há alguns anos.
E deu no que deu: falência declarada em 2010 qdo na verdade vem se arrastando sabe-se desde de quando. (?)
A Europa, continente visto como oportunidades para tudo, caiu no descrédito.
A taxa de desemprego em alguns países como Portugal no ano de 2010 já atinge 11% de uma população de 10.661.871.
Se pensarmos que o total perfaz 600 mil desempregados, parece pouco frente ao Brasil. Mas temos que lembrar que Portugal é um país de pequena escala. Portanto, os números são significativos.
Há 35 anos atrás, com a Revolução dos Cravos em 25 de abril, muitos emigraram para França, Espanha, Brasil e África.
Nos últimos anos houve um retorno a casa desses emigrantes. Mas parece que já estão de malas prontas para uma nova emigração.
O mesmo tem ocorrido com a Espanha.
E com excepção da Inglaterra, Portugal, Grécia e Espanha estão a aumentar impostos, baixar salários e desestimular a imigração.
A Inglaterra optou por baixar gastos e começou pelo parlamento.
Lembrando q a Inglaterra aceitou entrar na CE mas manteve a sua moeda.
Uma visão restrita talvez do q se passa por cá.
Os políticos tentam vender a ideia de q td está bem. Mas alguns empresários já mudaram suas contas bancárias para o exterior. E o pequeno investidor acaba por tirar seu dinheiro do banco e guarda-lo debaixo do colchão. Pois já se fala por aqui num congelamento das contas e poupanças.
Isso me faz lembra o plano Collor.
Não vale a pena investir em acções. Hj o mercado de acções está numa verdadeira montanha russa. E apesar de não acreditar q as acções cheguem à banca rota, vejo claramente q não é o melhor investimento no momento.
Acreditem se quiserem: investir em reais ou em dólar parece ser o mais seguro.
Se acontecer uma quebrar mundial de valores, a Europa sofrerá demais.
As desigualdades existentes entre os países da CE são imensas.
Basta comparar os impostos e a saúde entre Portugal e Alemanha ou entre Roménia e França.
É mais ou menos como comparar as estradas do interior da Bahia com as grandes rodovias de São Paulo.
Os esforços agora focam o desemprego para conseguir crescer o índice de empregados. Afinal como em qq economia, o q move o país é o capital de giro. E um país de desempregados não tem dinheiro para girar.
Espero ter esclarecido a situação actual da Europa.
Bjs e até mais ver.
Da correspondente tuga de Portugal
Aneci

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s